ABCCC - Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos

Núcleo de Guarapuava realiza Exposição Morfológica Nível B no Paraná

15 DE DEZEMBRO DE 2020 - ATUALIZADA EM 16 DE DEZEMBRO DE 2020 | Redator: Comunicação do N.C.C.C de Guarapuava

Texto adaptado de release enviado pela Comunicação do NCCC de Guarapuava

 

Em meio às incertezas e medos que a pandemia de Covid-19 tem colocado em todo o mundo, o Núcleo de Criadores de Cavalos Crioulos de Guarapuava (NCCCG), aplicando um rígido protocolo sanitário, encerra o ano com uma Exposição Morfológica de altíssimo nível na visão de seus organizadores e participantes: a Expocrioulo.

Durante os dias 11, 12 e 13 de dezembro, o NCCCG promoveu na cidade de Guarapuava, no Paraná, uma exposição na qual foram avaliados mais de 40 animais na categoria incentivo e 80 animais confirmados, sendo esta considerada uma exposição Nível B. A supervisão técnica ficou sob responsabilidade do inspetor, zootecnista e médico veterinário, Rafael Sant’anna, o qual já vem prestando serviços ao Núcleo há algum tempo.

O julgamento ficou a cargo do jurado João Francisco Silveira da Silveira, natural de Jaguarão/RS, que iniciou sua trajetória como avaliador em 2008 e, desde de 2014, tornou-se integrante da Lista 1 de avaliadores da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC). Após a seleção, o jurado destacou a qualidade e o expressivo número de animais presentes na exposição. “O Núcleo está de parabéns. Muita organização, cuidado e grande volume de animais. Não é comum ver uma exposição com tamanha quantidade de animais em todas as categorias. Não bastasse isso, muita qualidade, muitos machos bons e fêmeas de extrema qualidade. Além dos quatro melhores de cada gênero, ficaram muitos animais bons que poderiam ser premiados. Sobrou qualidade. Fico muito honrado e agradecido de ter participado deste grande evento da raça”.

 


Para o presidente do Núcleo, Marcelo Cunha, a realização do evento foi bastante desafiadora e exigiu muita cautela e uma equipe bem alinhada para garantir que tudo saísse conforme o planejado. “Foi algo desafiador e bastante complexo devido à crise sanitária que estamos vivendo, mas graças a Deus e à diretoria conseguimos fazer este evento, que ficará na história. Tivemos o apoio fundamental dos órgãos públicos, que nos deram todo suporte e auxílio quanto ao protocolo sanitário a ser seguido”.

Quantidade e qualidade dos exemplares presentes também chamaram a atenção do presidente, que destacou a força regional e o prestígio do Núcleo: “uma exposição nível B, de altíssima qualidade, onde passaram muitos animais já premiados na Expointer. Isso mostra o quanto nossa região é forte. Recebemos vários feedbacks positivos dos expositores, de que mesmo com a pandemia, distanciamento, restrição de público, nós conseguimos recepcionar todos de uma forma calorosa. Acredito que isso seja uma marca registrada do nosso núcleo”. Resultado que surpreendeu a organização e motivou planos para o próximo ano. “O que nos chamou atenção e superou nossas expectativas, foi o volume expressivo de animais expostos, principalmente na categoria dos machos. Ficamos muito contentes pelo prestígio dos expositores que, mesmo em época de pandemia, acreditaram em nosso evento e vieram à nossa Expocrioulo. Estamos planejando novos eventos para o próximo ano e contamos com a presença de todos”, declarou Cunha.

A Expocrioulo 2020, promovida pelo Núcleo de Guarapuava, contou com o apoio da Sociedade Rural de Guarapuava, e patrocínio da Seven Mitsubishi, Ervateira Verdelândia, Faculdade Guarapuava e Agrocerne.

 

>> CLIQUE AQUI PARA CONFERIR O RESULTADO DA EXPOSIÇÃO, EM ARQUIVO DISPONIBILIZADO PELO NÚCLEO DE GUARAPUAVA

 

>> CLIQUE AQUI PARA VER A GALERIA DE FOTOS DA EXPOCRIOULO DE GUARAPUAVA