ABCCC - Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos

Série Avante: Jubileu da Roraima, o trunfo de Evandro Levendosky

24 DE OUTUBRO DE 2019 - ATUALIZADA EM 24 DE OUTUBRO DE 2019 | Redator: Pedro Henrique Krüger/ABCCC

O Setor de Comunicação da ABCCC apresenta Avante!, uma série especial que mostra os novos objetivos dos campeões das diferentes categorias do Rédeas de Ouro 2018, com foco na preparação para a nova edição que se avizinha em Campina Grande do Sul/PR, de 9 a 14 de dezembro.

Não é qualquer cavalo. O macho tordilho acumula nas últimas competições importantes posições e conquistas. No Rédeas de Ouro 2018, por exemplo, Jubileu da Roraima foi Campeão Nacional (com Gilson Diniz Filho), além de campeão Potro do Futuro Amador e vice-campeão Nacional Amador, em ambos com o seu proprietário Evandro Levendosky. O crioulista de Pirassununga/SP ainda vibrou em 2019 com a 3ª colocação nos pódios do 1º ANCR International Open Aberta N4 e do Nacional Aberta N3 ANCR - montado novamente por Gilsinho Diniz.

A expectativa por um encerramento de 2019 também vitorioso existe e é aguardada por Evandro. “Vamos correr com ele [Jubileu], eu no Amador e o Gilsinho Diniz na Aberta. As preparações para o Rédeas vão começar a partir deste mês [de outubro]. Ele volta a treinar, pois estava descansando depois do Nacional da ANCR. Gosto de dar um bom tempo de descanso após as provas fortes do ano. Vamos levar ele em algumas provas regionais visando o Rédeas”, adiantou.

Se o Rédeas de Ouro 2018 foi muito bom para Evandro, com o título no Potro do Futuro Amador e o vice no Nacional Amador, a busca atual é por mais. “Estamos treinando para conseguirmos bons resultados esse ano. Se conseguirmos repetir o feito seria melhor ainda, mas sabemos que nas rédeas - uma prova técnica - qualquer erro pode custar caro no final. E também viso muito a saúde e as condições físicas dos meus animais, fazendo com que eles cheguem na competição com 100% de sua condição física para que possam dar todo o seu potencial atleta na competição”, contou.

O crioulista paulista, que deve levar quatro animais ao Rédeas de Ouro 2019, ainda possui Lema da Roraima, que é irmão inteiro de Jubileu. “É outro cavalo que gosto muito. Tive um resultado muito bom com ele no Potro do Futuro da ANCR: 4º lugar no Amador, uma prova de alto nível competitivo, e finalista na categoria Aberta numa classificatória muito acirrada. Na Amador ficamos ainda em primeiro dentro da raça e em segundo na Aberta. Esse cavalo vai ser um excelente atleta e ainda vai dar muitas alegrias”, finalizou.

A Top Baias, a Cabanha Estância da Quinta e a Cabanha Mapuche são patrocinadoras do Rédeas de Ouro 2019

Notícias Relacionadas