ABCCC - Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos

CRIOULAçO - HISTÓRIA

O Tiro de Laço é a simulação do trabalho realizado no campo quando é preciso imobilizar um bovino para marcá-lo ou tratá-lo.  Esta prova tradicional do Rio Grande do Sul existe há mais de 50 anos e hoje é disputada em praticamente todos os estados da federação. Oficializada pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) apenas em 1992, quando passou a ser chamada de Crioulaço, já que as antigas competições reuniam cavalos de diversas raças.

A primeira prova de Tiro de Laço do Brasil foi realizada na cidade de Esmeralda/RS, na década de 50, já o primeiro Crioulaço aconteceu em Cacequi/RS. Logo neste primeiro ano os crioulistas confirmaram sua estreita relação com a tradição campeira e superaram as expectativas com mais de 110 duplas inscritas.

 

Como funciona?

Na disputa dois laçadores têm uma raia de 100 a 120 metros, quando um novilho é solto. Durante o percurso entre o brete e a raia o animal deve ser laçado pelos competidores. O bovino é capturado pelas aspas com um laço trançado em couro. Classificam-se para a fase final as duplas que obtiverem 60% ou mais de aproveitamento. Vence a dupla que fizer o maior número de armadas no sistema chamado mata-mata.

O cavalo e o laçador devem apresentar-se com as características do homem do campo do seu estado ou país de origem. Sendo o laçador gaúcho, a pilcha e o arreamento deverão obedecer ao estabelecido no regulamento do Freio de Ouro. Competidores de outros estados têm liberdade para utilizar as vestimentas típicas de suas regiões.

Paralelo aos Crioulaços ocorre o Laço Criador, competição nos mesmos moldes, porém em caráter individual onde somente podem participar criadores, seus cônjuges, pais e filhos montando animais de sua criação. A prova teve início em 2012 para reconduzir os criadores para as pistas, trazendo consigo suas famílias.

 

Curiosidades

O Crioulaço é a prova funcional da raça Crioula com o maior número de participantes. 


 

Ranking Cabanha Laço de Ouro

Em 2012 foi criado o ranking para as cabanhas que participam dos Crioulaços. O sistema de pontuação é muito simples. Cada animal credenciado poderá marcar 1 ponto por ciclo e a cabanha que credenciar o maior número de animais será a campeã.